Santa Catarina ainda deve contar com recursos do Fundam

 

Santa Catarina ainda pode contar com os recursos do Fundam 2, algo em torno de 700 milhões de reais para o ano que vem. A liberação do dinheiro junto ao BNDES depende apenas do aumento da receita do estado, isso, é claro, a partir de uma avaliação da Secretaria do Tesouro Nacional. O governo de Santa Catarina vem ajustando as contas nos últimos meses e deve fechar 2018 com um déficit menor do que o esperado: algo em torno de 600 milhões de reais. No início do ano, o déficit era de 2 bilhões de reais.

Quem ganha

O Fundam 1 foi dividido pelo Governo do Estado com as prefeituras, que puderam, assim, fazer investimentos próprios. A expectativa com o Fundam 2 era a mesma. O governador Raimundo Colombo à época chegou a anunciar a entrega de 700 milhões em obras e também a divisão entre os municípios, o que não chegou a acontecer por conta da baixa receita do estado. Agora a expectativa das prefeituras do interior é que esse dinheiro venha no governo de Carlos Moisés, até porque o partido do novo governador é o mesmo do presidente Jair Bolsonaro, o que deve facilitar a vinda de recursos para Santa Catarina.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s