O segundo colocado que define a eleição

As reviravoltas deste período eleitoral acontecem na briga pelo segundo lugar. Marina que surgia como principal candidata a figurar no segundo turno com Jair Bolsonaro, começa a despencar na opção dos eleitores, segundo as recentes pesquisas divulgadas. Essa mudança de cenário acontece por influência do ataque ao candidato do PSL e também pela confirmação de Haddad como representante petista na disputa presidencial. A briga pela segunda posição começa a acirrar entre Ciro e Haddad – dois candidatos que disputam um público bem semelhante. No entanto, embora agradem um mesmo eleitorado, eles afetam de modo diferente os eleitores dos candidatos que sobram na disputa. De acordo com as pesquisas, Ciro seria capaz de tirar a presidência de Jair Bolsonaro no segundo turno, enquanto Haddad seria derrotado, muito por causa da rejeição. Rejeição, esta, que em grande parte é trazida pela sigla que ele carrega e os recentes escândalos protagonizados pelo PT. A disputa presidencial está completamente aberta e só nos últimos dias é que o cenário deve ficar mais claro em todo o país.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s